Eterno Retorno

Revista Desvio

O artista plástico Paulo Andrade representa na série O Eterno Retorno, – Desenhos, gravuras e impressões (1984 -2018), a cidade de Brasília. Após de 30 anos após sua exposição no Centro de Criatividade da 508, o artista expõe novamente no então renomeado Espaço Cultural Renato Russo, na Galeria Parangolé.

Com obras inspiradas nos cartões postais da cidade, o artista mistura diversas técnicas, como desenho, serigrafia, aquarelas e releituras digitais, impressas em fine art. Além disso, o artista tenta demonstrar suas influências no pensamento nietzcheano, buscando retomar conceitos caros à filosofia de Friedrich Nietzsche, respondendo à questão do Eterno Retorno.

O Eterno Retorno é lembrado por Nietzsche no aforismo 56 em que diz:

E se um dia ou uma noite um demônio se esgueirasse em tua mais solitária solidão e te dissesse: “Esta vida, assim como tu vives agora e como a viveste, terás de vivê-la ainda uma vez e…

Ver o post original 492 mais palavras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s